Você está aqui:Home » Apologética geral » Igreja Católica » Os católicos acreditam no arrebatamento?

Os católicos acreditam no arrebatamento?

“Ama o Senhor com todo o seu coração e com toda a sua alma, e com toda a sua MENTE ” –Mat 22,37

Pergunta:   Os católicos acreditam no arrebatamento?
O Arrebatamento é a falsa crença de que um período de tempo está próximo, em que os cristãos serão reunidos para desaparecer secretamente e silenciosamente, encontrando Cristo “no ar” (isto é, ser “arrebatado”) antes de Sua Segunda Vinda . Os incrédulos serão deixados para sofrer violentamente em um momento da Tribulação. Cristo voltará, uma terceira vez, anos depois (alguns dizem depois de sete anos, alguns dizem depois de mil) para matar o anticristo. Esses versos nas Escrituras são usados para apoiar o Arrebatamento:

Pois o próprio Senhor, com uma palavra de comando, com a voz de um arcanjo e com a trombeta de Deus, descerá do céu, e os mortos em Cristo se elevarão primeiro.
Então, nós que estivermos vivos, que serão deixados, serão apanhados junto com eles nas nuvens para encontrar o Senhor no ar. Assim, sempre estaremos com o Senhor. – 1 Tessalonicenses 4,16-17
Pois, como foi nos dias de Noé, assim será na chegada do Filho do Homem.
Nos (aqueles) dias antes da dilúvio, eles estavam comendo e bebendo, casando e casando, até o dia em que Noé entrou na arca.
Eles não sabiam até que o dilúvio chegou e levou todos eles. Assim será (também) na vinda do Filho do Homem.
Dois homens estarão no campo; um será levado, e um será deixado. –Mat 24, 37-40
Curso Teológico Pastoral Completobem como uma multidão de versos no Apocalipse.

Antes do século XIX, essa questão (acreditamos no arrebatamento?) Teria confundido os cristãos, pois a idéia de “arrebatamento” era inexistente. Historicamente, você não encontrará nenhum Pai da Igreja , teólogo, papa, santo ou concílio ecumênico, mencionando o arrebatamento.   Tornou-se uma novidade no século XIX.

(Nota: isso deve ser contrastado com a objeção colocada aos católicos que, como o Arrebatamento, a Imaculada Conceição foi proclamada apenas em 1854 (veja a discussão anterior sobre isso aqui ) . Estas são duas idéias muito diferentes : a IC foi acreditada desde a época dos apóstolos – e mencionada pelos Pais da Igreja, teólogos, santos, papas, etc. ao longo da história, mas apenas formalmente definida em 1854. A idéia do Arrebatamento era praticamente inexistente até o século XIX.) Que as pessoas estão fazendo “especulações de fim dos tempo” não é nova. Isso, é claro, tem acontecido há milênio. No entanto, o conceito de que seremos apanhados no ar ou deixados para trás é uma nova inovação.  Na década de 1990, a série de livros popularmente populares (e muito anticatólicos) chamada “Left Behind” (Deixados Para Trás) re-vitalizou esse conceito, vendendo mais de 10 milhões de livros. Recebeu mais legitimidade quando o ator e evangelista cristão Kirk Cameron se converteu a essa crença e estrelou uma série de filmes proclamando que os cristãos serão raptados.


O catolicismo rejeita essa interpretação da Escritura. Não haverá arrebatamento como entendido por Evangélicos e Fundamentalistas. “Embora não use o termo arrebatamento, a Igreja reconhece que haverá um evento em que os eleitos se reunirão para estar com Cristo.  O ponto de disputa é o momento deste evento: ocorre na Segunda Vinda, não em vários anos antes disso. Isto é indicado pela referência de Paulo a ele ter lugar quando Cristo desce do céu: a Segunda Vinda. As Escrituras não prevêem a Segunda Vinda realizando o Arrebatamento, seguido de uma “Terceira Vinda” que inaugura a ordem eterna ou o Milênio. ” fonte.  Em outras palavras, a Igreja proclama que as Escrituras nos dizem que os cristãos que estão vivos na parousia (o fim do mundo) e que vivem no estado da graça testemunharão a Segunda Vinda e viverão eternamente com Jesus no Seu reino. Aliás, a série Left Behind postula que aqueles que estão “deixados para trás” são não salvos. No entanto, se alguém olha para o versículo em Mateus, citado acima, vemos que, como nos dias de Noé, aqueles que ficaram “deixados para trás” eram os bons , não os maus! Ou seja, durante o dilúvio, Noé e sua família (os bons) foram deixados para trás, não arrebatados.

Finalmente, gostaria de salientar essa ironia: apoiantes evangélicos do arrebatamento objetam, em diferentes discussões, aos ensinamentos da Igreja Católica sobre a Assunção de Maria.  Acho isso irônico, pois não é essencialmente um “arrebatamento” que está acontecendo com Maria? Por que os cristãos evangélicos acreditam no arrebatamento para todos os outros cristãos, com exceção da mãe de Jesus? Apenas dizendo’.

Comentários

Comentários

Sobre o autor

Número de entradas : 1378

© 2011 Powered By Wordpress, Goodnews Theme By Momizat Team

Voltar para o topo